• CDB

Ansiolíticos. Posso tomar a CDB para a ansiedade?

Os benefícios do canabidiol(CBD) como droga ansiolítica no tratamento da síndrome da ansiedade são cada vez mais reconhecidos pela comunidade científica, como demonstram vários estudos.

O CDB é uma substância que ativa os receptores de serotonina, um neurotransmissor chave na regulação do humor, do apetite, da memória, do sono e do comportamento social.

Em 2017, pesquisas da Universidade de São Paulo no Brasil determinaram que o CDB ajuda a reduzir significativamente a angústia ou o pânico que afeta aqueles que sofrem de Transtorno de Ansiedade Generalizada (DAG).

Outros estudos descobriram que, em doses moderadas, melhora o fluxo sanguíneo para certas áreas do cérebro, produzindo alívio naqueles que sofrem esta desordem.

Estes estudos determinaram que o canabidiol tem um grande poder ansiolítico, ao contrário do THC que predomina na marijuana recreativa e que parece induzir ataques de ansiedade.

Ansiedade, um problema que afeta milhões de pessoas

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), 20% da população mundial sofre de episódios de ansiedade com relativa frequência. Isto indica que se trata de um síndrome recorrente ou um problema que pode influenciar negativamente a qualidade de vida da pessoa afetada.

A ansiedade aparece como um efeito do stress causado por problemas económicos, profissionais ou familiares e normalmente desaparece quando a situação que a causa cessa.

Na verdade, a ansiedade é um mecanismo natural que alerta o corpo e a mente para o perigo e ajuda-o a responder rapidamente.

O problema surge quando essa ansiedade se torna crónica. A pessoa vive num estado de angústia contínua e sofre alterações físicas e emocionais que tornam quase impossível uma vida normal.

Os sintomas incluem palpitações cardíacas, dores no peito, medo, tremores e sensação de falta de ar, entre outros.

O que dizem os estudos sobre o uso de CDB como um ansiolítico?

Um estudo publicado pela Springer Nature comparou os resultados do consumo de CDB em pacientes com Transtorno de AnsiedadeSocial (SAD). Para isso, submeteu-os com pessoas saudáveis a um teste simulado de fala em público.

Alguns membros do grupo com SAD receberam uma única dose de CDB para melhor avaliar a extensão de CDB na vida real. O grupo restante recebeu um placebo.

Nem os participantes nem os pesquisadores sabiam quem recebia ou não CBD ou o placebo. Os valores estudados nos voluntários incluíram humor, freqüência cardíaca, auto-avaliação negativa, pressão arterial e condutância cutânea.

O resultado foi que pacientes patológicos que receberam CDB mostraram muito menos ansiedade ao falar em público e a sua auto-avaliação negativa foi mínima. Por outro lado, aqueles que receberam um placebo mostraram um nível mais elevado de ansiedade e os sintomas associados relacionados foram mais acentuados.

Posso então usar CDB para combater a ansiedade?

No geral, estudos realizados até ao momento mostraram que, além do TAS, o uso do canabidiol também parece ter resultados promissores em pacientes com Transtorno Obsessivo Compulsivo (TOC), distúrbios de pânico e Síndrome do Stresse Pós-Traumático.

Contudo, embora os resultados sejam promissores, é necessário realizar um grande número de estudos para que as autoridades aprovem mundialmente a prescrição de CDB como tratamento ansiolítico.

Deixe a sua resposta

O seu endereço de correio electrónico não será publicado.